Bola de Prata 2020/2021

Bola de Prata 2020/2021

A época 2020/2021 da Primeira Liga em Portugal chegou ao fim com o Sporting CP como campeão nacional, após 19 longos anos de seca absoluta. Entra agora na Luckia e descobre quem é o novo vencedor da Bola de Prata 2020/2021, assim como a história do troféu e o seu palmarés.

História da Bola de Prata

Antes de tudo, Bola de Prata refere-se ao nome do troféu atribuído ao melhor marcador da liga de futebol portuguesa no fim da época. Foi criada na temporada 1952/1953 pelo jornal desportivo A Bola. Ademais, é muito comum que este tipo de prémio exista nos países de futebol mais importantes. Nesse sentido, se dois ou mais jogadores concluem o campeonato com o mesmo número de golos, o prémio é atribuído ao jogador com o menor número de jogos disputados.

Na Premier League de Inglaterra, existe o “Premier League Golden Boot” desde 1992/1993, que em 2019/2020 foi ganho pelo avançado do Leicester City, Jamie Vardy, ao marcar 23 golos. Cristiano Ronaldo é o único português a tê-lo ganho com 31 golos.

Em Espanha em La Liga, existe o troféu ‘Pichichi’, que é atribuído pelo jornal desportivo MARCA. O avançado argentino do Barça, Leo Messi, ganhou-o em 2019/2020 ao marcar 25 golos. Cristiano Ronaldo é novamente o único português a tê-lo ganho também, e por três vezes, com 41, 31 e 48 golos, respetivamente.

Finalmente, o ‘Capocannoniere’, é atribuído na Série A italiana desde a época 1929/1930 ao melhor marcador da competição. Cristiano Ronaldo está prestes a tornar-se o primeiro português a vencê-lo nesta temporada com 29 golos e o avançado italiano da Lazio, Ciro Immobile, foi o vencedor do ano passado com 36 golos.

Assim sendo, voltando novamente à Bola de Prata, o primeiro vencedor deste prémio foi Sebastião da Fonseca Lucas, mais conhecido como Matateu, lenda de Os Belenenses. Da mesma forma, o jogador que mais vezes a ganhou foi Eusébio no Benfica, com 7 no total. Por outro lado, Héctor Yazalde, do Sporting, detém o recorde de golos marcados numa única época com 46.

Pedro Gonçalves, Bola de Prata 2020/2021

Pela primeira vez em 25 anos, um jogador português é o vencedor da Bola de Prata, após ter marcado 23 golos em 32 jogos. Só para ilustrar, o jogador leonino, ‘Pote’, não é um atacante puro e joga como meio-campista. Tem sido um confronto direto até a última jornada com Haris Seferovic do Benfica, que apontou 22 golos em 31 jogos.

O terceiro no ranking foi o avançado iraniano do Porto, Mehdi Taremi, com 17 golos em 34 jogos. No ano passado, marcou 18 golos ao serviço do Rio Ave e ficou um atrás de Carlos Vinícius do Benfica. Por conseguinte, o Sporting ganhou esta distinção após três anos consecutivos do Benfica graças a Jonas, Carlos Vinícius e Haris Seferovic.

Ao mesmo tempo, o ranking deste ano é completado por Mario Gonzalez do Tondela com 15 golos, Carlos Jr do Santa Clara com 15 golos, Sérgio Oliveira do Porto com 13 golos, Beto do Portimonense com 11 golos ou Cassierra do Belenenses SAD com 10 golos.

Palmarés do troféu

Enquanto ao palmarés, este ano comemora-se a 69ª edição da Bola de Prata e estes são alguns dos seus vencedores:

  1. Eusébio: 7 troféus pelo Benfica.
  2. Fernando Gomes: 6 troféus pelo Porto.
  3. Mário Jardel: 5 troféus pelo Porto e Sporting.
  4. José Águas: 4 troféus pelo Benfica.
  5. Jackson Martínez: 3 troféus pelo Porto.
  6. Matateu: 2 troféus pelo Belenenses.
  7. Artur Jorge: 2 troféus pelo Benfica.
  8. Yazalde: 2 troféus pelo Sporting.
  9. Rui Jordão: 2 troféus pelo Benfica e Sporting.
  10. Nené: 2 troféus pelo Benfica.
  11. Paulinho Cascavel: 2 troféus pelo Sporting e Vitória de Guimarães.
  12. Liedson: 2 troféus pelo Sporting.
  13. Óscar Cardozo: 2 troféus pelo Benfica.
  14. Jonas: 2 troféus pelo Benfica.
  15. Pedro Gonçalves: 1 troféu pelo Sporting.
  16. Haris Seferovic: 1 troféu pelo Benfica.
  17. Arsénio Duarte: 1 troféu pelo GD Fabril.
  18. Edmur Ribeiro: 1 troféu pelo Vitória de Guimarães.
  19. Manuel António: 1 troféu pelo Académica de Coimbra.
  20. Ricky: 1 troféu pelo Boavista.
  21. Rashidi Yekini: 1 troféu pelo Vitória de Setúbal.
  22. Hassan Nader: 1 troféu pelo Farense.
  23. Fari Faye: 1 troféu pelo Beira-Mar.
  24. Simão Sabrosa: 1 troféu pelo Benfica.
  25. Benni McCarthy: 1 troféu pelo Porto.
  26. Meyong: 1 troféu pelo Os Belenenses.
  27. Lisandro López: 1 troféu pelo Porto.
  28. Nenê: 1 troféu pelo Nacional da Madeira.
  29. Hulk: 1 troféu pelo Porto.
  30. Bas Dost: 1 troféu pelo Sporting.
  31. Carlos Vinícius: 1 troféu pelo Benfica.

 

Em resumo, aqui encontrarás os dados mais relevantes sobre a Bola de Prata 2020/2021. Portanto, entra na Luckia e aposta na Primeira Liga mas sempre com responsabilidade.